Belo Horizonte: (031)3371-6072 WhatsApp: (031)97401-8723 | Juiz de Fora: (032)3321-7418 WhatsApp: (032)99953-4717 E-mail: locamed@locamed.com.br

Atendimento Whatsapp Atendimento Whatsapp

Como descartar medicamentos de forma segura e correta

como-descartar-medicamentos-corretamente-locamed

Praticar a reciclagem e incentivar os outros a fazerem o mesmo contribui para um planeta melhor e mais limpo! Mas você conhece o jeito correto de descartar com responsabilidade?

Existem diversas maneiras de reciclar diferentes objetos e, no caso daqueles que são produzidos em massa e consumidos por milhões de pessoas, como medicamentos, é sempre bom manter-se consciente do impacto que estes causam, se não forem descartados da maneira correta.

No caso de caixas e cartelas de remédios, é extremamente importante coletá-los e reciclá-los da melhor maneira possível, para isso, separamos algumas dicas para te ajudar e ainda repassar para o próximo:

descarte-correto-medicamentos-locamed

  • Apenas as embalagens secundárias, que não tiveram contato com o remédio, podem ser recicladas. Por isso, caixas de papelão e bula devem ser descartadas no lixo de reciclagem comum.
  • Cartelas de remédios, potes de vidro e de plástico devem ser descartados à parte, em postos de coleta, porque estiveram em contato com o remédio e, contêm substâncias químicas.
  • Se for preciso descartar os comprimidos (em caso de vencimento, por exemplo), nunca jogue no lixo comum ou em vaso sanitário por risco de contaminação. Leve aos pontos de coleta específicos.
  • Lugares como farmácias ou até mesmo em hospitais sempre se disponibilizam para coletar caixas, cartelas de remédios e afins, para descartarem da maneira correta. Portanto, procure a farmácia mais próxima de você e ajude o planeta ao reciclar!

O descarte correto de medicamentos e embalagens é fundamental para evitarmos riscos à saúde humana e ao meio ambiente. Quando não descartado apropriadamente, elas apresentam riscos à água, ao solo, aos animais e à saúde pública.

Como funciona o descarte na lei?

lei-descarte-residuos-locamed

Você conhece a lei nº 12.305/10? Mesmo que nunca tenha ouvido falar, essa lei é fundamental para ajudar na preservação do meio ambiente, impedindo que resíduos como, embalagens e cartelas de remédios sejam descartadas de forma inapropriada.

A Lei garante a redução na geração de resíduos, tendo como orientação a prática de hábitos sustentáveis e um conjunto de instrumentos para propiciar o aumento da reciclagem e da reutilização dos resíduos sólidos e a destinação ambientalmente adequada dos rejeitos (aquilo que não pode ser reciclado ou reutilizado).

A lei também exige que os setores públicos e privados administrem seus resíduos da melhor forma possível. Ajuda a criar metas que irão contribuir para a eliminação dos lixões e institui instrumentos de planejamento nos níveis nacional, estadual, microrregional, intermunicipal, metropolitano e municipal; além de instituir que os responsáveis elaborem seus Planos de Gerenciamento de Resíduos Sólidos.

Além de terem instituído a lei nº 12.305/10, a Anvisa possui uma lista de postos de coleta credenciados, sendo que o processo todo é regido pela norma ABNT NBR 16457:2016, que, para que não haja risco de contaminação, tanto medicamentos vencidos, quanto embalagens que tiveram contato com o remédio, devem ser descartados em locais apropriados para que sejam encaminhados ao seu destino sem nenhum risco à população e ao meio ambiente.

Riscos

riscos-descarte-errado-medicamentos-locamed

Como já dissemos anteriormente, existem muitos problemas que são gerados no meio ambiente, quando as embalagens de medicamentos não são descartadas de maneira correta. A seguir, você vai conhecer os maiores riscos ao ambiente, que infelizmente não são muito divulgados, mas que, quando evitados, podem servir de grande ajuda na preservação do nosso ecossistema:

  1. Os medicamentos diluídos em água podem interferir no metabolismo e no comportamento de organismos aquáticos. Os antibióticos também são preocupantes, pois quando expostos ao meio ambiente, tornam as bactérias resistentes ao antibiótico em questão, aumentando em massa sua quantidade no terreno onde o medicamento foi descartado.
  2. As pessoas que manejam os medicamentos vencidos ou não, sem proteção, como catadores de lixo, também são suscetíveis a intoxicações caso achem o medicamento e o consumam, dependendo do seu estado ou data de validade.
  3. Quando descartados de forma indevida, os medicamentos acabam sendo expostos a animais que acabam consumindo-os e eventualmente podem transmitir doenças ou até mesmo se intoxicarem, prejudicando sua saúde permanentemente.

Como evitar a contaminação por remédios? 

como-evitar-contaminacao-remedios-locamed

  • Uso racional de medicamentos: procure sempre comprar remédios que você de fato vai consumir em um curto período, evitando o desperdício, e claro, sem exageros. Desse jeito, o descarte vai acabar sendo bem menor e o impacto no meio ambiente também.
  • Descarte corretamente: não é segredo que o descarte apropriado de embalagens e remédios é um grande contribuidor para evitar a contaminação no ambiente, por isso, preste bastante atenção na forma como você e seus familiares, ou até mesmo amigos, descartam os produtos que consomem, desse jeito o impacto positivo vai ser muito maior.
  • Espalhe informações: muitas pessoas descartam seus medicamentos de forma irresponsável por não conhecer outra forma de fazê-lo. Portanto, procure sempre divulgar informações desse tipo, que servem de grande ajuda para colaborar com o ecossistema.

Agora que você está por dentro de todas as informações sobre o descarte correto de embalagens e remédios, é hora de colocar em prática. Logo abaixo, separamos alguns links que te ajudarão na hora de descartar medicamentos e além disso, outros objetos que precisam também ter seu destino final da forma mais responsável possível, evitando qualquer desperdício e poluição desnecessária no meio ambiente.

Onde encontrar locais para descartar meus remédios?

locais-descartar-medicamentos-locamed

Caso você não saiba a melhor maneira ou o melhor lugar para descartá-los, existem sites, como o https://www.ecycle.com.br/index.php, que indica os locais mais próximos a você para o descarte, e aplicativos como o “Cataki” que recolhem os materiais.

Para conhecer os pontos de coleta mais próximos, clique aqui,  escolha no formulário o que deseja descartar, coloque o seu CEP e pronto! Fácil, prático e benéfico para o planeta!

Compartilhe as informações acima para que todos possam entender o processo de descarte apropriado, contribuindo para um meio ambiente saudável.

 

Comentários

Desenvolvido por Guia-se - Agência de Marketing Digital